Pausa na LNF redobra cuidados com preparação física do elenco do Atlântico

Trabalhos nos próximos dias vai mesclar atividades físicas com treinos táticos e técnicos

Na primeira fase da Liga Nacional de Futsal (LNF), a cada semana de jogos, uma equipe folga. Nesta, será a vez do Atlântico. Com isso, a equipe gaúcha atuará novamente somente no próximo dia 18, quando recebe em Erechim, a Assoeva. Será a sexta partida do Galo nesta etapa da competição.

Com um longo período sem jogos, o foco não é apenas na parte técnica e tática, mas também no sentido de não perder o ritmo de jogo alcançado nas semanas anteriores e a preparação física. Com isso, a comissão técnica do Galo realiza uma programação que busque manter os jogadores com um bom ritmo para quando forem retomados os jogos.

atla_treinofisico5

O preparador físico Cleison Frare explica que o período é importante também para algumas situações mais pontuais. “Vamos ter um tempo para evoluir algumas situações verificadas nos primeiros jogos, situações que nos possibilitam melhorar e evoluir para os próximos confrontos”, explica.

Segundo ele, nestas duas semanas sem jogos, haverá mais trabalhos físicos aliados a técnicos e táticos. “Vamos aproveitar para garantir uma maior intensidade, elevar a resistência, a capacidade física dos atletas e com isso também atuar na prevenção a lesões, entendo também a necessidade de cada jogador”, aponta o preparador.

atla_treinofisico

A equipe trabalha no Caldeirão do Galo, com a maior parte dos dias tendo trabalhos em dois turnos. O jogo diante da Assoeva, será no sábado, dia 18, às 19h, em Erechim. Os ingressos já podem ser antecipados pela campanha Torcedor Master Galo, que consiste em compras na Rede Master, em produtos das marcas parceiras (Apti, Aurora, Gota Limpa, Fruki, Parati, Piá, Erva-Mate Rei Verde, Farinha Sananduva, Alca Food), onde  cada R$ 25,00 valem um ingresso.

No dia do jogo, a bilheteria do Ginásio terá ingressos ao valor de R$ 25,00, sendo que sócios do CER Atlântico pagam R$ 20,00. Crianças até 12 anos não pagam. Estudantes e idosos, com carteirinha, pagam meia entrada.

Esta ação integra o projeto Atlântico Futsal Campeão, que é financiado pelo Governo do estado do Rio Grande do Sul por meio do Pró-Esporte RS – Lei de Incentivo ao Esporte.